Lendo agora:
Café maduro dá lucro dobrado
Matéria Completa 2 minutos em média para ler

Café maduro dá lucro dobrado

A produção em Rondônia seria maior se o café fosse uniformemente colhido, com mais de 70% de grãos maduros. A colheita de muitos grãos ainda verdes pode chegar a mais de 50%. Isso traz impacto direto nos lucros do próprio produtor. Segundo Paulo Sergio Pereira, gerente da corretora de café Interagrícola, de Cacoal, “o produtor apressado perde duas vezes. Perde por colher menos café maduro. Porque para fazer uma saca ele vai gastar cerca de 20 latões, enquanto que com café maduro gastaria apenas 16 latões para fazer uma saca”, diz.
“E depois perde no preço, porque um café de melhor qualidade, com aproximadamente 200 defeitos, vale em torno de R$ 315,00 a saca, enquanto um café de menor qualidade, cerca de 600 defeitos, vale cerca de R$ 307,00, considerando a bolsa de hoje, dia 13 de junho”, compara. “Isso vai dar em torno de 20% de quebra
na produção, ou seja, se o agricultor produz mil sacos e colher de qualquer jeito, com grãos mais verdes, de mil sacos vai perder mais ou menos uns 200 sacos, isso vai diminuir na renda dele, ao passo que o produtor que deixou o café mais tempo no pé, que ficou mais homogêneo, mais maduro, que teve qualidade melhor, com 200
defeitos, vai ganhar duas vezes: no preço e na quantidade de café”.

Comentários Facebook
Digite o que deseja procurar e pressione Enter